Sem categoria

A HISTORIA DA GRANDE SAMSUNG

Fonte

https://canaltech.com.br/empresa/samsung/

 Tudo começou na Coreia do Sul, mais precisamente em 1938. Com 28 anos, o empresário Byung-Chull Lee já acumulava investimentos em plantações de arroz e muitos estudos em economia, mas resolveu abrir com verba bem limitada uma tal de Samsung Trading Company na cidade de Daegu.

Você não encontrava eletrônicos por lá: ela era uma pequena loja de importação e exportação de produtos como peixe desidratado, vegetais e macarrão. O nome vem dos caracteres coreanos “Sam”, que significa três, e “Sung”, que é estrela. O numeral no país significa “grande, vasto e forte”, e esses deveriam ser os pilares da empresa. As logos da Samsung tinham as três estrelas até 1993, quando foi criado o famoso símbolo com o emblema em azul.

Que venham os aparelhos!

Já em 1969, finalmente nasceu a Samsung Electronics. O que era pra ser apenas mais um braço dessa já enorme empresa virou um de seus principais setores. O primeiro produto foi um televisor preto e branco que foi um sucesso, mas logo ela passou a fazer também modelos a cores e lançar eletrodomésticos, como geladeiras, máquinas de lavar e fornos de micro-ondas.A Samsung também entrou no mercado da computação do jeito dela, chegando com tudo. Ela se tornou em 1992 a maior fabricante de chips de memória e discos de armazenamento pra PCs.

Ele quase perdeu todo o negócio por causa do conflito, mas a diversidade de produtos oferecidos e espalhados por várias cidades manteve a Samsung de pé. Negócios bem variados, como construção de refinarias, venda de fertilizantes e até de seguros de vida ajudaram a empresa a sobreviver. O nome “Samsung Corporation” foi oficializado no fim da década de 1940, quando um parceiro comercial impulsionou ainda mais a companhia.

Chips e celulares: agora o jogo começa

Mas quando ela se tornou a Samsung que conhecemos hoje? Seguindo com a história, o setor de telecomunicações nasceu na década de 1970, mas a empresa agiu com calma no começo, fazendo pesquisas e criando componentes.

O celular de estreia foi o SH-100. Ele surgiu em 1988, depois que engenheiros da Samsung compraram celulares da Motorola para estudar como ele funcionava. Não foi um sucesso comercial, mas se tornou histórico por ser o primeiro criado e fabricado inteiramente na Coreia do Sul.

E claro que uma empresa tão grande e influente não poderia escapar de algumas polêmicas. A Samsung é cheia delas: algumas bem explicadas, outras nem tanto. O presidente Lee Kun-hee chegou a pedir as contas em 2008 por causa de acusações de evasão fiscal e pagamento de subornos, mas foi perdoado pelo governo e voltou dois anos depois.


A Samsung encarou o tribunal muitas vezes desde 2011 por acusações de quebra de patente da Apple e contra-atacou acusando a Maçã de cópia da interface e do formato de seus produtos. Depois de anos de apelações e tentativas de banir a venda dos aparelhos uma da outra, a disputa ainda não acabou, mas a Samsung tem perdido as últimas batalhas na corte e deve ser obrigada a pagar uma bolada para a rival.

Apesar da rivalidade, a Samsung fornece chips e outros componentes para produtos como o iPhone e o iPad, em uma parceria que ajuda os dois lados.Junto com outras empresas, a Samsung ajudou a Coreia do Sul a virar uma potência mundial no setor e continua relevante até hoje por lá e em todas as partes do mundo. Você pode até não ser um grande fã dela, mas não tem como negar que ela é hoje um dos principais nomes do mundo da tecnologia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.